Prefeitura de Lauro de Freitas é investigada por suspeita de fraude em licitação na compra de tablets.

Lutando bravamente contra o sistema a Vereadora Débora Regis denunciou ao MPF,  Polícia Federal e também ao Ministério Público Estadual sobre as possíveis fraudes na contratação da empresa que fornecerá os tablets da educação municipal de Lauro de Freitas.

E em uma tentativa de “tapar o sol com a peneira” mesmo após toda a notoriedade do caso que chegou a ter uma matéria exclusiva na Rede Record de televisão e nas principais rádios da região metropolitana, a Prefeita Moema Gramacho realizou um evento de emergência para entregar “simbolicamente” apenas 38 dos 21.300 tablets contratados.

Prefeita confirmando que entregou apenas 38 tablets para as crianças

É uma vergonha que mesmo após ter pagado mais de 50% do contrato, sendo este realizado há quase um ano, a Prefeita tenha a coragem de fazer um evento e entrega menos de 40 tablets.

Onde estão os outros tablets?!? O povo quer saber!

Acompanhe a matéria completa no link abaixo:

https://we.tl/t-zwi6oySK8I

Compartilhe