Chacina deixa 5 mortos em Lauro de Freitas! Crianças entre as vítimas

Chacina deixa 5 mortos em Lauro de Freitas

Chacina deixa 5 mortos em Lauro de Freitas

Os feridos foram socorridos para o hospital Menandro de Faria. Entre as vítimas fatais estão; uma mulher, um adolescente e uma menina de apenas 11 anos.

Na noite deste sábado, 18, ao menos quatro pessoas foram mortas em uma chacina no bairro de Portão, em Lauro de Freitas. Chacina deixa 5 mortos em Lauro de Freitas.

Leia mais: Lauro de Freitas convoca beneficiários para atualização do Bolsa Família

Segundo informações da polícia, o crime ocorreu na localidade conhecida como Boca da Mata, por volta das 19h30. Sete pessoas que estavam na frente de uma residência foram baleadas por homens que estavam a bordo de um veículo de passeio.

Entre os mortos estão; uma mulher de 33 anos, um adolescente de 15 e uma criança de 11 anos. Os feridos foram socorridos para o Hospital Menandro de Faria. Não há informações sobre o estado de saúde dos mesmos. A motivação do crime ainda é desconhecida.

Alguns moradores de Portão, contaram que a comunidade do bairro está abalada e temerosa após o ocorrido. A Polícia Civil investiga o caso.

Cinco das dez cidades mais violentas do país estão na BA. Lauro de Freitas é uma delas.

Cinco das dez cidades brasileiras com as maiores taxas de mortes violentas, dentre aquelas que têm mais de 100 mil habitantes, estão na Bahia. É o que indica o Atlas da Violência 2018 sobre os municípios, com dados referentes a 2016, que foram divulgados nesta sexta-feira (15).

No ano do estudo, o país tinha 309 municípios com número de habitantes superior a 100 mil. Feita com dados do Ministério da Saúde (MS), a pesquisa é do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e do Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Eunápolis, no extremo sul do estado, é a cidade baiana com o segundo pior dado do pais. Segundo o Atlas, o município teve uma taxa de 124,3 mortes violentas para cada grupo de 100 mil habitantes.

Os números só foram piores do que a registrados em Queimados, no Rio de Janeiro, onde a taxa de homicídios, no mesmo período, foi de 134,9.

Em seguida vêm Porto Seguro, no extremo sul, com 101,7 mortes para cada grupo de 100 mil habitantes; e Lauro de Freitas, na região metropolitana de Salvador, com taxa de 99,2 mortes.

Compartilhe