Lula

‘Ninguém vai ser obrigado a tomar a vacina, mas também não vai poder ir a lugares públicos’, destacou o ex-presidente Lula

O ex-presidente Lula (PT) afirmou neste sábado, 29, ser contra a obrigatoriedade da vacina, mas disse que não vacinados devem ficar em casa. “Ninguém vai ser obrigado a tomar a vacina, mas também não vai poder ir a lugares públicos.

Leia mais: PT e PSOL se unem para apresentar projeto que cria a profissão de ladrão

Veja também: Confederação orienta prefeitos a não darem reajuste a professores de 33,24%

Se você não quer tomar vacina, é um direito seu. Mas você não pode participar de nada com gente, você não pode visitar parente, receber sua mãe, seu filho, seu neto, porque como o vírus é transmissível, a única chance que a gente tem de salvar a humanidade é tomar a vacina”, declarou o petista durante o evento de posse do novo presidente do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC.

“Por que alguém diz ‘eu não quero tomar vacina porque eu não acredito na vacina’? Então se tranca dentro de casa. Não coloca a vida dos outros em risco”, completou.

Um minuto, por favor…

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras custa tempo e dinheiro. Nós, do DEOLHO News, temos o compromisso diário de levar até os leitores conteúdos críticos, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Se você acredita no nosso trabalho, apoie da maneira que puder ou, se preferir… Faça uma Doação CLICANDO AQUI

Compartilhe