Mia Khalifa

Mia Khalifa se pronuncia após associação a CPI da Covid

A ex-atriz pornô Mia Khalifa se tornou um dos assuntos mais comentados por brasileiros na internet na última terça-feira (25), devido à CPI da Covid, que apura se houve falhas do Governo Federal no enfrentamento da pandemia que já matou mais de 450 mil pessoas no país.

O nome da estrela de filmes adultos foi relacionado a uma fala do senador Luiz Carlos Heinze (PP-RS), que em sua defesa do uso da hidroxicloroquina, afirmou que uma atriz pornô teria ligação a um estudo fraudulento da The Lancet, que apontava a morte de pacientes da Covid-19 com o tratamento do medicamento.

Em seu perfil no Twitter, Mia não citou o nome do parlamentar, mas tirou o corpo fora da polêmica e pediu para que as pessoas não acreditassem em conselhos médicos atribuídos a imagem dela.

“Não sei quem precisa ouvir isso (Brasil), mas não sou médica, então não aceite conselhos médicos de memes falsos meus que você encontrou no WhatsApp … tchau”, escreveu.

Após a repercussão da fala de Heinze, o progressista também usou as redes sociais para negar que a fonte de sua declaração tenha sido Mia. A atriz não foi citada nominalmente pelo senador, no entanto, a internet atribuiu a suposta fake news a estrela pornô, por já terem feito memes com ela durante a pandemia.

“Tentar ridicularizar uma opinião contrária não é respeitar a democracia. Pior ainda se o desrespeito é realizado com “Fake News”, propagando uma calúnia para milhares de internautas. Hoje, sofri ataques vergonhosos com o sentido de neutralizar meu discurso”.

Um minuto, por favor…

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras custa tempo e dinheiro. Nós, do DEOLHO News, temos o compromisso diário de levar até os leitores conteúdos críticos, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Se você acredita no nosso trabalho, apoie da maneira que puder ou, se preferir… Faça uma Doação CLICANDO AQUI

Compartilhe