Covid-19: prefeita de Lauro de Freitas reduz salário

Superintendentes também terão redução de 15% no salários e coordenadores de 10%

Ate a última atualização epidemiológica, a cidade de Lauro de Freitas já registrou 4 mortes, 45 casos confirmados e 47 aguardando resultado pelo Covid-19.

Com um dos maiores salários da Bahia, a prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho, determinou a redução de 20% do próprio salário de R$ 26 mil reais, 15% no salários dos secretários, que é de R$ 19 mil e superintendentes e 10% no dos coordenadores.

A medida está prevista em decreto publicado no Diário Oficial do Município desta quarta-feira (29). Outras medidas estão sendo negociadas e serão anunciadas pelos secretários da Fazenda e da Administração em breve. 

A decisão foi tomada diante do impacto da pandemia do novo coronavirus na economia. Os valores gerados pela redução dos salários serão redirecionados para o custeio das ações de saúde no combate ao Covid 19, e para cobertura do kit alimentação em substituição a merenda escolar que os pais pegam na escola. Esse item representa um custo adicional expressivo em relação aos recursos previstos no orçamento.

Em nota, a prefeita diz que entende que são medidas duras e impopulares, mas necessárias diante da redução na arrecadação, provocada pelo fechamento do comércio, serviços e indústria, que pode chegar a 40%.

As medidas de contenção de despesas atingem outras esferas da administração municipal, e ajustes na folha de pagamento dos servidores municipais.

Compartilhe