A doença foi um castigo porque ela trata mal as pessoas, diz ex-assessor de Simaria

A doença foi um castigo

A doença foi um castigo porque ela trata mal as pessoas, diz ex-assessor de Simaria

Homem relatou que artista não deixava os funcionários usar o banheiro do ônibus da banda

Uma declaração de um suposto ex-assessor da dupla Simone e Simaria deu o que falar nas redes sociais, desde a última sexta-feira (23). A doença foi um castigo…

Leia mais: Menina escreve data de nascimento e dia da sua morte no Facebook e se suicida

Segundo informações do site TV Foco, um homem identificado como Cristian Machado comentou em uma publicação do site UOL que dizia que Simaria tinha sido rude ao responder uma internauta.

Leia mais: Menina é drogada e estuprada até a morte por um homem de 20 anos

“Ela não muda. Acho que a doença foi um castigo. Não tem jeito! Trabalhei com ela em 2011. Além de humilhar os funcionários ela não deixava a gente usar o banheiro do ônibus da banda”, contou o suposto ex-assessor.

“Tínhamos que fazer xixi no mato na época, tinha uma grávida que hoje é backing vocal do Safadão. Coitada, tinha que abrir a porta com alicate de unha para poder urinar enquanto estavam dormindo. Ela botava apelidos em todos. Humilhação”, completou.

O homem também fez questão de ressaltar que o mesmo comentário não valia para a irmã, Simone. “Simaria sempre foi uma pessoa má, já Simone um anjo, mas temia a irmã”, disparou.

Compartilhe