Menina com Síndrome de Down é excluída de formatura da escola

Menina com Síndrome de Down é excluída de formatura da escola

Menina com Síndrome de Down é excluída de formatura da escola

Hoje está cada vez mais comum o trabalho de inclusão de crianças em escolas de todo o Brasil. No entanto, isso não aconteceu com uma criança portadora de Síndrome de Down na escola municipal Cristo Redentor, em São Paulo. Menina com Síndrome de Down é excluída de formatura da escola.

Leia mais: Menina de 16 anos diz que foi estuprada por João de Deus na frente do pai dela

A menina de 6 anos estava ansiosa para sua festa de formatura, mas, poucos dias antes do evento, foi dispensada pelos professores Acredita-se que o motivo é que a criança seja portadora da Síndrome. Os pais dela nem foram informados sobre o evento e ela ficou de fora das festividades da escola.

A família da criança apenas descobriu sobre as festividades, após elas acontecerem. Por meio do Facebook, a mãe da criança viu fotos dos coleguinhas de sua filha se formando.

A tia da criança ficou revoltada com a situação. Por meio de um texto publicado em sua rede social, ela escreveu que a menina além de não participar da formatura, também não esteve nos ensaios para a festa.

A tia da criança questionou aos professores se eles imaginavam como sua sobrinha agora estava se sentindo, já que foi excluída de estar em um momento de felicidade ao lado de outros colegas.

Outras pessoas que viram a postagem ficaram revoltadas com tudo o que aconteceu. “Isso é um absurdo. Ela também tem a chance de crescer e construir a sua própria vida’, disse um dos internautas ao falar sobre o tema.

A escola, em nota enviada à Record TV, que exibiu o caso dentro do ‘Balanço Geral São Paulo’, informou que está ciente do caso. A Cristo Redentor disse ainda que está disposta a esclarecer toda a situação com a família da criança, que sofreu a exclusão.

Compartilhe