Justiça obriga amante a devolver a mulher para o “CORNO”

Justiça obriga amante a devolver a mulher 

A Justiça do Maranhão aceitou o pedido feito por Merinaldo Pereira da Silva, de 36 anos, morador de Imperatriz, Cidade no Maranhão, que entrou com uma ação para obrigar o amante à devolvesse sua esposa que havia fugido com o mesmo a mais de um mês. Justiça obriga amante a devolver mulher

O homem, que afirma já ter sido traído mais de 500 vezes, disse que não larga a mulher por nada.

Para a Justiça, foi considerado que o amante (réu) não demonstrou interesse em se defender e não compareceu na audiência.

A sentença, fundou-se nos seguintes fatos: A mulher vivia uma semana com o amante e outra com o marido, porém já tinha mais de um mês que a mulher havia fugido com o amante, diante da situação a justiça acionou a mulher, que foi ouvida e disse que amava os dois.

Diante da situação a mulher foi orientada a voltar para a casa do seu marido, com quem tem dois filhos ( sendo nenhum do marido ) ou que ela pedisse o divorcio. E ela aceitou voltar mas não ia deixar o amante.

A justiça deu 15 dias para a mulher retornar para sua casa, sob pena de multa. O corno disse que ficou feliz com a sentença. O amante não quis se manifestar.

Justiça obriga amante

Fonte: topfivetv

Compartilhe