Taís Araújo

Deputado federal Eduardo Bolsonaro reagiu e ironizou declarações de Taís Araújo

O casal de atores Taís Araújo e Lázaro Ramos criticaram o presidente Jair Bolsonaro. As declarações dos artistas foram dadas ao canal Splash, do UOL, no último dia 7.

Taís referiu-se ao governo como “quatro anos infernais”.

A mudança está nas nossas mãos. Não foram quatro anos difíceis. Foram infernais, foram um pesadelo. Desespero, aumento da miséria. A gente andou para trás a galope. Não dá para continuar. O poder está nas mãos do povo, disse a atriz

Já Lázaro Ramos falou que o Brasil “experimentou um gosto muito amargo”.

Espero que a gente tenha consciência e faça uma escolha diferente. Na última eleição, tinham 11 ou 13 candidatos e o Brasil escolheu isso. O Brasil experimentou um gosto muito amargo, um gosto perverso. Estou ansioso para conseguir ter esperança. Não sei se tenho. Estou fazendo, contribuindo, levando discussões. Não sei se dá para ficar só na esperança, precisamos agir. Falam que o Brasil é o país do futuro. Chega. O Brasil tem que ser o país do agora. A gente precisa fazer uma escolha diferente senão só piorará, declarou o ator.

Neste domingo (10), o deputado federal Eduardo Bolsonaro reagiu à entrevista e ironizou os atores.

Só eu que morro de dó? escreveu o parlamentar, nas redes sociais.

Um minuto, por favor…

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras custa tempo e dinheiro. Nós, do DEOLHO News, temos o compromisso diário de levar até os leitores conteúdos críticos, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Se você acredita no nosso trabalho, apoie da maneira que puder ou, se preferir… Faça uma Doação CLICANDO AQUI

Compartilhe