Renúncia de Moema Gramacho

Renúncia de Moema Gramacho causa apreensão de Lauro de Freitas

Já é dada como certa, a renuncia de Moema Gramacho (PT) em abril do próximo ano, para disputar as eleições de 2022. Moema que foi reeleita em novembro do ano passado, deseja disputar uma vaga na Câmara dos Deputados. Seu desejo ganhou ainda mais força com a ida de Nelson Pelegrino para o Tribunal de Contas do Município da Bahia (TCM). Renúncia de Moema Gramacho?

Leia mais:  Homem faz tatuagem no ÂNUS em protesto contra Bolsonaro

Leia mais: PM é baleado nos testículos após recusar sexo oral oferecido por colega militar

Em função disso, é quase certeza a renuncia da petista. Inclusive nos últimos dias, ela tem viajado a região em busca de apoios, e é perceptível a ausência da gestora no município de Lauro de Freitas. Contudo, essa decisão tem causado uma apreensão nos cargos de primeiro, segundo e até terceiro escalões. Secretários, diretores, vereadores estão apreensivos, porque em caso de renuncia, quem assume a prefeitura é o vice-prefeito, Dr. Vidigal Cafezeiro (Republicanos).

O problema maior com a renuncia de Moema, é que alguns acordos foram feitos, para que ela fosse reeleita. Dentre eles, está o fato de cargos terem sido distribuídos ao partido Republicanos, ao PP, partido comandado por João Leão, ex-inimigo de Moema, hoje aliado.

E a pergunta é: será que os acordos serão mantidos com a renuncia de Moema, e Dr. Vidigal assumindo o poder?

Um minuto, por favor…

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras custa tempo e dinheiro. Nós, do DEOLHO News, temos o compromisso diário de levar até os leitores conteúdos críticos, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Se você acredita no nosso trabalho, apoie da maneira que puder ou, se preferir… Faça uma Doação CLICANDO AQUI

Compartilhe