Mulher acha cobra jararaca dentro de saco de alface

alface

Segundo Corpo de Bombeiros, animal, que é venenoso, tinha 30 cm e foi encontrado dentro de saco de alface adquirido em supermercado de Goiás

alface

O Corpo de Bombeiros de Goiás foi acionado após uma mulher encontrar uma cobra dentro de um saco de alface comprado por ela em um supermercado da cidade de Goianases, no interior do estado.

LEIA TAMBEMMulher foge com amante e sequestra o marido na Bahia 

Em uma foto divulgada pela corporação, é possível ver o animal enrolado dentro dos vegetais . Segundo os bombeiros, a mulher percebeu a presença do animal quando foi lavar o alface.

Retirado em segurança pelos militares, o animal de 30 centímetros foi identificado como da espécie jararaca, uma das cobras mais venenosas do Brasil. Ela foi devolvida à natureza e, segundo a corporação, pode ter “acessado” o saco de alface buscando abrigo por causa das queimadas constantes em matas da região.

A alface é originária do leste do Mediterrâneo e utilizada na alimentação desde 500 a.C. É cultivada em todo o mundo para o consumo em saladas. A alface se apresenta em vários tipos de folhas, cores, formas, tamanhos e texturas.

A folha contém vitamina A, C, niacina, minerais, como cálcio, fósforo e ferro. A vitamina A auxilia no funcionamento dos órgãos da visão e é boa para a pele. A vitamina C atua contra infecções, auxilia no processo de cicatrização, evita a fragilidade dos ossos e má-formação dos dentes. Funciona como calmante, combate a insônia. Utilizada também em aplicações tópicas de cataplasmas quentes em casos de inchaço e inflamações.

Compartilhe