Marido mata esposa e amante quando os dois saiam de Motel na Bahia

Marido mata esposa e amante quando os dois saiam de Motel na Bahia

Marido mata esposa e amante… Um boato movimentou as redes sociais na manhã desta segunda-feira, 11 de setembro, no extremo Sul da Bahia. Fotos de um casal baleado na saída de um motel circularam pela internet e as informações eram de que o crime havia acontecido nem Porto Seguro.

Mas segundo o que foi apurado pelo NamídiaNews, o duplo homicídio ocorreu na tarde do último domingo, 10, em Aracajú.

O marido que já desconfiava da traição, teria seguido a esposa e esperou que as vítimas saíssem do motel para executá-las. A Polícia fez buscas, mas o suspeito não foi encontrado.

Marido mata esposa e amante

veja também

Evangélica que faz filmes PORNÔ diz que trabalho não interfere na religião.

Fonte: sulbahianews

Chamamos de crime passional o crime motivado pela paixão. Geralmente, a razão de sua ocorrência é a paixão doentia, violenta e irreprimível, que provoca a perda do controle das ações do seu autor. Os crimes passionais existem desde os tempos mais antigos, mas com a evolução social, houve uma gradual necessidade de se condenar cada vez mais tal prática.

 O termo “passional” faz referência a paixão, algo motivado pela paixão e particularmente pelo amor. Paixão é o sentimento ou emoção levado a um alto grau de intensidade, entusiasmo vivo, um vício dominador, ou mesmo desgosto, mágoa. Não é incomum que tal sentimento venha se sobrepor à lucidez e à razão, levando o agente a cometer o delito. Apesar de motivado por emoção intensa, não se trata de um homicídio de impulso, sendo, ao contrário, detalhadamente planejado.

Na concepção do indivíduo passional, a única vítima é ele próprio, que teve sua moral e honra feridas pela conduta de seu parceiro. Ele ignora completamente direitos pessoais básicos garantidos pela Constituição, como a dignidade da pessoa humana, a liberdade, e o direito à vida.

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*