Marcelo Adnet revela que foi estuprado na infância

Ele ainda disse que os parentes só souberam da situação há dez anos, quando um dos abusadores morreu

Marcelo Adnet revelou que sofreu abuso sexual na infância. Em entrevista à revista Veja, o humorista contou que foi estuprado, aos 7 e aos 11 anos, por pessoas próximas da sua família. Ele ainda disse que os parentes só souberam da situação há dez anos, quando um dos abusadores morreu. 

Veja também: Homem mata a namorada após ser contaminado por ela com coronavírus

“O caseiro do lugar onde eu passava as férias começou a se aproximar de mim e pedir favores. Ele me chantageava dizendo que, se contasse algo a qualquer pessoa, meu cachorro morreria. Eu era muito ingênuo. Um dia, quando só estávamos eu e ele em casa, foi para cima de mim. Senti uma dor imensa, mas durou pouco porque meus parentes, que tinham ido ao mercado, voltaram para buscar a carteira”, relatou Adnet, sobre o primeiro estupro. 

“Mais tarde, o pesadelo se repetiu com um amigo mais velho da família. Ele não chegou a consumar o ato, como o caseiro, mas me beijou e passou a mão no meu corpo. Foram dois episódios difíceis”, acrescentou o humorista. 

Marcelo Adnet disse à Veja que não conseguiu contar nem para os familiares sobre os abusos. “Para se ter uma ideia, só depois da morte desse conhecido da casa, há cerca de dez anos, consegui contar à minha família. Hoje, já falo de maneira natural porque entendi, após anos de análise, que o constrangimento não é meu, e sim de quem me abusou. O que fica disso é o susto, o trauma, a desconfiança”. 

Durante a entrevista, Adnet também deixou claro que não pretende se candidatar a nenhum cargo político por agora. “Sabe que até penso nessa possibilidade? Mas não agora. Na adolescência, cheguei a cogitar muito isso. Porém, nestes tempos, considero uma empreitada perigosa e que poria não só a mim, mas também a minha família em risco. Não dá para esquecer a execução da Marielle Franco, né?”. 

Compartilhe