Homem que matou ex-namorada de 15 anos em Itapuã se apresenta à polícia

Homem que matou ex-namorada de 15 anos em Itapuã se apresenta à polícia em Salvador

Homem que matou ex-namorada de 15 anos Adriel Montenegro dos Santos, 21 anos, era considerado foragido e já tinha sido incluído no Baralho do Crime da Secretaria de Segurança Pública da Bahia. Andreza Vitória foi assassinada no dia 17 de abril.

Suspeito de matar a adolescente Andreza Vitória se apresenta à Polícia Civil
Apontado como autor da morte da ex-namorada Andreza Victória Paixão, no bairro de Itapuã, em Salvador, Adriel Montenegro dos Santos, 21 anos, se entregou à polícia em Salvador na manhã desta segunda-feira (25).

Segundo a Polícia Civil, o rapaz se apresentou junto com um advogado no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Adriel era procurado há mais de cinco meses pela Polícia Civil da Bahia como autor da morte da garota de 15 anos e foi incluído no “Baralho do Crime” da Secretaria de Segurança Pública.
A jovem foi morta com um tiro na casa de Adriel, no bairro de Itapuã, em Salvador, no dia 17 de abril. Desde então, ele era procurado pela polícia.

O pai do rapaz é policial militar e foi a pessoa que socorreu a garota baleada até uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), no mesmo bairro, mas Andreza não resistiu e morreu.
Segundo informações da polícia da Bahia, a arma utilizada no crime contra a jovem é de uso restrito das polícias Civil e Militar.

Andreza Victória e Ariel Montenegro estavam separados quando ocorreu o crime, conforme relato da mãe da adolescente (Foto: Arte G1 )
A Secretaria de Segurança aponta que ele matou a garota por não aceitar o fim do relacionamento.

Em julho, mês em que Andreza completaria 16 anos, o G1 esteve na casa da mãe dela, e ouviu os relatos de dor e saudade. “Infelizmente, eu continuo viva. Dias choro, dias não. Uma comida lembra minha filha, um cheiro, uma roupa, uma postagem de alguém lembra minha filha. É você imaginar que você não vai mais ver alguém que você colocou no mundo. A pior dor é a dor da alma”, desabafou Lívia Tito, mãe da adolescente.

Homem que matou ex-namorada de 15 anos

Leia também

Após acidente, Pastores morrem cantando hino da harpa e emocionam bombeiros que os socorriam

Compartilhe