Governador da Bahia Rui Costa

Governador da Bahia Rui Costa (PT) exige passaporte sanitário

Na tarde desta terça-feira (23), o governador petista da Bahia, Rui Costa, impôs que hospitais estaduais e unidades de SAC do Estado passarão a exigir o passaporte da vacina contra a Covid-10. De acordo com ele, a decisão começa a valer a partir do dia 1º de dezembro.

Leia mais:  Homem faz tatuagem no ÂNUS em protesto contra Bolsonaro

Segundo o petista, a regra está estabelecida em novo decreto. “Aproveito para pedir às prefeituras que criem decretos municipais nessa linha”, escreve em publicação no Twitter.

O governador Rui Costa (PT) anunciou hoje (23) no Twitter o primeiro passo para a implantação do passaporte da vacina na Bahia. A partir do primeiro dia de dezembro deste ano, só poderão ter acesso a hospitais e unidades do Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC) pessoas vacinadas contra a Covid-19.

“De acordo com decreto estadual, a partir do dia 01/12, somente poderão ingressar nas unidades SAC e nos hospitais pessoas que apresentem o comprovante de vacinação contra a Covid-19. Aproveito para pedir às prefeituras que criem decretos municipais nessa linha”, escreveu Rui Costa.

O governador não deu detalhes sobre o decreto, que ainda não foi publicado no Diário Oficial do Estado. A medida deve gerar polêmica. O vereador de Salvador Alexandre Aleluia (DEM), que é bolsonarista, vai realizar uma audiência pública no próximo dia 6 para discutir a implantação do passaporte da vacina em Salvador.

“O passaporte da vacinação não é consenso e não pode ser imposto às pessoas”, afirmou o edil, que é bolsonarista. “Reflitam e decidam sobre a sua liberdade e o direito de ir e vir”, acrescentou.

Compartilhe