Estuprador fica desesperado no julgamento ao saber que vítima tinha AIDS

Estuprador fica desesperado no julgamento ao saber que vítima tinha AIDS

Estuprador fica desesperado no julgamento ao saber que vítima tinha AIDS

O jovem explicou em seu julgamento que ele não estava em seu juízo e que estava sob a influência de drogas e álcool. Richard explicou que ele tinha usado cocaína e que não se lembrava de nada daquela noite. Estuprador fica desesperado no julgamento ao saber que vítima tinha AIDS.

Ele foi julgado em um tribunal de Liverpool Crown e sentenciado a 64 meses de prisão, mas essa não foi a pior punição que ele recebeu.

Em seu julgamento, Richard entrou em colapso quando soube que sua vítima era soropositiva. Ela tinha HIV e ele ignorou completamente. Eles fizeram exames médicos para ver se ele contraiu o vírus da imunodeficiência humana. Os eventos ocorreram em 2013 na cidade de Leigh.

Compartilhe