filho

Uma mulher ficou arrasada depois que o marido sugeriu que ter um filho com a irmã dela poderia ajudá-los com os problemas de fertilidade.

Uma mulher está se sentindo completamente devastada depois que seu marido sugeriu que ter um filho com a irmã dela poderia resolver os problemas de fertilidade do casal. Conforme a publicação feita pelo The Mirror, a mulher procurou o Reddit para compartilhar sua situação e pedir ajuda aos demais usuários.

De forma anônima, ela compartilhou sua história em um dos fóruns da plataforma. Ela, que tem 34 anos, disse que a irmã concordou em ser a ‘barriga de aluguel’ do casal caso eles decidam tentar uma fertilização in vitro.

No entanto, depois que seu marido pesquisou sobre o tempo e o valor envolvido no procedimento ele decidiu sugerir que seria mais prático, barato e rápido se ele fizesse sexo com a irmã dela.

Em sua publicação ela escreveu: “Eu e meu marido estamos lutando contra problemas de fertilidade. Tentamos algumas opções e agora estamos procurando uma barriga de aluguel. Minha irmã concordou com isso, mas meu marido disse que pesquisou sobre o tempo e o dinheiro utilizados na fertilização in vitro e sugeriu que optássemos pelo ‘método’ tradicional”.

Ela ficou chocada com a sugestão do marido

Diante da sugestão do homem, a mulher ficou completamente arrasada. “Fiquei chocada demais e fui incapaz de dizer qualquer coisa. Ele então agiu como se não tivesse dito nada de errado e explicou que era uma maneira mais rápida de termos um bebê e poupar dinheiro e tempo para usar mais tarde”.

“Sou completamente contra essa ideia maluca e não estou mais confortável com a opção de ter uma barriga de aluguel. Não posso nem imaginar qual seria a reação da minha irmã ao ouvir isso”, explica.

Após se recusar a aceitar a sugestão do marido, ela afirma que ele passou a acusá-la de ser “egoísta” além de a estar culpando por não conseguir conceber um filho naturalmente.

“Eu estou arrasada com o fato de que ele até se divertiria fazendo sexo com minha irmã só porque ele quer o caminho mais fácil e se eu concordasse, sempre me sentira desconfortável ao lembrar de como o bebê foi concebido”.

“Eu recusei e ele está me culpando e afirmando que não confio nele e que sou egoísta por desistir enquanto ele ainda quer ser pai. Basicamente, ele me culpa pelos meus problemas de fertilidade”, relata a mulher.

“Me sinto devastada e como se meu corpo fosse inútil. Emocionalmente e mentalmente eu não consigo expressar como me sinto agora”.

Após a publicação da mulher, milhares de usuários comentaram oferecendo apoio à ela. “Isso é assustador. Desculpe, mas seu marido não é uma boa pessoa”, escreveu um usuário. Isso é tão errado! Mesmo que fosse a opção mais barata e realista, vocês poderiam fazer uma inseminação!, sugeriu outro.

Um minuto, por favor…

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras custa tempo e dinheiro. Nós, do DEOLHO News, temos o compromisso diário de levar até os leitores conteúdos críticos, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Se você acredita no nosso trabalho, apoie da maneira que puder ou, se preferir… Faça uma Doação CLICANDO AQUI

Compartilhe