Demitida do SBT, Daniela Prata vende brigadeiro nas praias de Salvador

Daniela Prata vende brigadeiro nas praias de Salvador

Daniela Prata vende brigadeiro nas praias de Salvador

Desde que foi demitida da Aratu em novembro de 2015 , a jornalista Daniela Prata não conseguiu mais espaço na TV. Contudo, muitos dos seus admiradores estão conseguindo manter contato com a comunicadora em sua nova profissão. Isso porque a baiana Daniela Prata vende brigadeiro nas praias de Salvador.

Leia mais: BOMBA: Bolsonaro obriga Globo a pagar R$ 358 milhões em impostos sonegados

Na internet, Daniela tem compartilhado vários registros das abordagens que recebe. Nas fotos, está sempre acompanhada dos “Brigadeiros da Prata” – forma como apelidou os doces. Inclusive, em umas das publicações, ela agradeceu pelo carinho que recebe das pessoas na rua. “Esse é um trabalho que me aproxima do amor fraterno de irmãos como vocês. Deus sabe de todas as coisas. Tenho conhecido muita gente do bem, gente boa nessa caminhada com os brigadeiros. Agradeço muito as palavras e o carinho!”, escreveu.
Daniela ficou conhecida do grande público pelo bordão “Graças a Deus”, durante tempo que comandou o “Bom Dia Bahia”, na afiliada do SBT. Ela teve também passagem pela Record Bahia, rádio Tudo FM e Grupo Metrópole. Na época da demissão, ela deu várias declarações sobre a situação em suas redes sociais e chegou a dizer que tinha sido descartada . Veja algumas fotos de Daniela na praia com os brigadeiros:
Daniela Prata vende brigadeiro nas praias de Salvador
Daniela Prata vende brigadeiro nas praias de Salvador
O trabalho não só nos traz o pão de cada dia, mas também traz dignidade e enriquece o caráter.
Emociona-nos olhar algo bem feito de onde nossas mãos contribuíram para tal feito, e ao chegar o final de cada dia saber que contribuímos para o crescimento de nossa nação.

Todo trabalho é digno e é a sua dignidade que o faz digno não trabalhe para superar ou se sentir superior aos outros, trabalhe para ser melhor a cada dia para evoluir como pessoa e na relação com seus semelhantes seus irmãos na estrada da vida e mesmo que você veja a muitos ter a certeza de que é bom ser importante, lembre-se sempre que o mais importante é ser bom não só no que faz mas principalmente para ter a bondade no caráter no coração e na alma.

Compartilhe