Choro de Neymar é a coisa mais patética dessa Copa até agora

Choro de Neymar é a coisa mais patética dessa Copa até agora

Jogador tinha é que pedir desculpas pela atuação da equipe e prometer melhorar da próxima vez; Chororô não convence ninguém

Até acredito que tenha gente que se convença com esse chorinho do atacante da seleção após a vitória contra a Costa Rica, mas que é ridículo, isso é.

Qual o motivo mesmo do choro do rapaz? Era a final da Copa? Virou o jogo no último segundo contra a Argentina/Alemanha/Inglaterra/França etc? Classificou o time para a final? Nada disso, certo? O choro é apenas porque ganhou da Costa Rica, o adversário mais fraco do grupo do Brasil? E depois de um empate com “a melhor seleção suíça de todos os tempos”? Olha, realmente está difícil o negócio.

Veja bem: em outros tempos (não na Copa de 2014) a seleção brasileira daria um atropelo tão grande na Costa Rica que ninguém nem ia se preocupar com a partida. É jogo para vencer de 5, fora o baile. No entanto, sofremos horrores e não só porque a equipe adversária estava na retranca.

O time de Tite tinha dificuldades para criar jogadas, para finalizar com perigo, enfim, não conseguia ameaçar. Marcou dois gols já nos acréscimos e tudo na base do “deixa que eu chuto”.

E aí, a gente é obrigado a aguentar um tuíte do Neymar, esse aqui:

Choro de Neymar é a coisa mais patética dessa Copa

Faça-me o favor, né? O sujeito ganha milhões há milênios, tem as maiores mordomias do mundo, é paparicado horrores e ainda vem falar em dificuldades? O Brasil quase empatou em 0 a 0 com a Costa Rica (ficou muito perto disso) e ficaria seriamente ameaçado a não ir nem para a segunda fase. Neymar deveria era ter pedido desculpas por dar esse susto tremendo na torcida brasileira.

Guarde esse chororô aí, Neymar, para coisas mais sérias, tipo uma possível eliminação precoce da sua equipe ou até, quem sabe, a conquista do título. Essa choradeira aí não convence, não. É mais um teatrinho do moço que, uma vez mais, jogou para a galera.

Compartilhe