Charlie Chaplin entrou em concurso de sósias e perdeu feio

Charlie Chaplin, nascido na Inglaterra um dos maiores artistas de nosso tempo, começou a aparecer em seus primeiros filmes em 1914 e já em 1915 os Estados Unidos tiveram um surto de “Chaplimania”. Seu bigode característico subitamente começou a aparecer por toda parte, o que culminou em inúmeros concursos de imitadores.

Leia também: LÉO DE TOPÓ promete doar metade do salário de vereador para o povo

O famoso comediante americano Bob Hope, quando jovem, teria vencido um desses concursos em Cleveland. A febre chapliniana continuou se alastrando até que em 1921 foi realizado esse concurso da foto, no Liberty Theatre, em Washington.

Segundo a lenda, em algum momento entre 1915 e 1921, Chaplin decidiu participar de um concurso de sósia e, acreditem, perdeu feio. Um pequeno artigo chamado “Como Charlie Chaplin falhou” foi publicado em 1920 no jornal The Straits Timesde Cingapura. Ele dizia:

Lord Desborough, presidindo um jantar do clube Anglo-Saxão, contou uma história que jamais será esquecida. Miss Mary Pickford, co-fundadora do estúdio United Artists, teria contado a sua esposa que “Charlie Chaplin foi um dia a uma feira nos Estados Unidos, no qual a atração principal era uma competição sobre quem imitava melhor a clássica caminhada de Charlie Chaplin. O verdadeiro Charlie Chaplin pensou que tiraria de letra e resolveu entrar no páreo, mesmo sem seu famoso bigode e seus sapatos. Foi um fracasso assustador e ficou em vigésimo lugar. 

Charlie Chaplin

Uma pequena variação da mesma história apareceu no jornal Poverty Bay Herald, da Nova Zelândia, também em 1920. E uma outra no jornal australiano, Albany Advertiser,  em março de 1921:

Um concurso de imitadores de Chaplin foi realizado na Califórnia recentemente. Havia uns 40 competidores e Charlie Chaplin, como uma brincadeira, entrou na competição com um nome falso. Apesar de personificar exatamente seu famoso personagem, ele ficou em 27º lugar.

Teria Chaplin realmente ficado em 20º? Ele realmente entrou nessas competições? É muito divertido imaginar que sim. Mas, um século depois, muitos consideram a história uma lenda urbana. Quando um pesquisadorperguntou à Chaplin Association sobre isso, eles responderam:

“Esta anedota, contada por Lord Desborough, quem quer que ele tenha sido, foi amplamente noticiada na imprensa britânica naquela época. Não existe, contudo, nenhuma outra referência a essa competição ou de nenhuma outra história do tipo, então só podemos supor que esta é a fonte desse rumor, desse mito urbano. No entanto, pode ter acontecido.”

Compartilhe